Projeto de reajuste salarial do magistério é encaminhado na Câmara

pisoNesta segunda-feira (22), foi encaminhado na Câmara Municipal o projeto de lei complementar 66/2016, de origem do Executivo, para regulamentação do reajuste salarial dos profissionais do magistério.

O presidente do Legislativo, Evandro Donizete (Piruca), se comprometeu a colocar a proposta na pauta de votação dos vereadores o mais rápido possível, informou a assessoria de comunicação da Casa ao Sintramfor.

O reajuste de 11,36% será retroativo a janeiro deste ano. Com isso, o vencimento básico dos professores que atuam na rede municipal de ensino passará para R$1.281,65 para jornada de 24 horas semanais; R$1.647,76 para jornada de 30 horas semanais; e R$2.136,10 para jornada de 40 horas por semana.

Sintramfor

O presidente do Sintramfor, Natanael Alves Gonzaga, encaminhou ao prefeito Moacir Ribeiro, no último dia 4, um ofício requerendo o reajuste. Como a Administração Municipal não respondeu e nem informou qualquer medida relativa ao assunto, os profissionais do magistério, junto com o Sindicato, já estavam iniciando mobilização para uma greve geral.

Tabela de progressão na carreira com novos valores dos vencimentos

Tabela de progressão na carreira com novos valores dos vencimentos. Clique para ler

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *