Você tem reivindicações? Apresente-as na Assembleia da Campanha Salarial!

campanha_salarialO Sintramfor vai realizar na próxima semana Assembleias para aprovar a Pauta de Reivindicações da Campanha Salarial 2020. Será a última oportunidade para todos os servidores municipais apresentarem suas reivindicações que serão negociadas com os prefeitos.

Durante as Assembleias, o presidente do Sindicato, Natanael Alves Gonzaga, vai apresentar as reivindicações colhidas ao longo deste ano e já estão na Pré-pauta da Campanha de 2020. Então, é extremamente importante que todos os servidores participem, apresentem sugestões e votem para aprovação da Pauta.

Assembleias
Em Córrego Fundo, na segunda-feira, dia 2, a partir das 17h30, na sede filiado do Sintramfor.
Em Formiga, na terça-feira, dia 3, a partir das 17h, na Câmara Municipal.

 

Abaixo, seguem as Pré-pautas:

Pré-pauta de reivindicações Formiga– Campanha Salarial 2020

  1) Revisão salarial anual dos servidores: Índice Nacional de Preço ao Consumidor (INPC); mais 15% de ganho real.

2) Reajuste do vale-alimentação, igualando o valor do mesmo ao da Câmara Municipal de Formiga.

3) Vale-transporte, (licitação em vias de renegociação) para todos os servidores públicos municipais de Formiga, que necessitarem.

4) Equiparação salarial de arquivista com bibliotecários, já que o cargo exige a formação em biblioteconomia.

5) Equiparação salarial dos coveiros com os pedreiros, já que a referida categoria desempenha, também, a função de pedreiro.

6) Pagamento do Adicional de Titulação, já previsto no Plano de Carreira.

7) Equiparação do piso salarial dos técnicos de enfermagem com técnicos de segurança do trabalho (atualmente os ACS e AE têm um piso maior do que os técnicos de enfermagem).

8)  Equiparação salarial dos auxiliares de saúde bucal e auxiliares de limpeza com oficiais administrativos.

9)  Criação do Banco de Horas para os servidores da Saúde.

10) Equiparação dos motoristas da Prefeitura com os operadores de máquina.

12) Reajuste salarial do zelador.

13) Incorporação da gratificação de Gerência no salário base dos enfermeiros.

14) Revisão dos salários dos nutricionistas, haja vista a defasagem ocorrida em comparação com profissionais da saúde, tais como médicos, que tiveram aumento diferenciado (após a greve de 2014) e com a tabela de salários no Edital de Concurso publicado em 14/12/2018 para terapeuta ocupacional e assistente social.

15) Reajuste da gratificação da equipe que integra o programa do NASF, como já aconteceu no PMAQ.

16) Aumento dos pontos e reajuste no valor dos pontos para Fiscais Sanitários.

17) Revisão geral anual para os servidores que tem função gratificada e comissionada.

18) Vale-transporte para os diretores escolares, haja vista que estes utilizam dos seus veículos para transportar alunos, produtos alimentícios, etc.

19) Os diretores escolares requerem, também, um aumento real de salário, pois o mesmo está defasado devido a não receberem o reajuste do INPC.

20) Ajuda para o transporte dos agentes comunitários da saúde da zona rural, pois estes vivem uma situação diferenciada. Têm que se locomover de casa para os PSF’s e deste para o local de trabalho, que normalmente ficam a quilômetros de distância. Precisam utilizar veículos próprios (motos, etc), pagam pela travessia de barco, dentre outros.

21) Segurança para a UPA (devido às constantes agressões sofridas pelos servidores).

 

Pré-pauta de reivindicações Córrego Fundo – Campanha Salarial 2020

 

      1) Revisão geral INPC mais ganho real para compensar a revisão geral rejeitada pela Câmara em 2019.

 

2) Piso salarial do magistério (atualmente 4,01%).

 

3) Piso salarial dos agentes comunitários de saúde e de endemias.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *